800 - 2021-03-31T171403.478

Henrique Avancini faz 32 anos e relembra três momentos históricos na Copa do Mundo

Desde criança ao lado da bicicleta, atleta se tornou lenda do esporte no Brasil e, agora, revive eventos emblemáticos na carreira vitoriosa

Esta imagem tem um texto alternativo em branco, o nome da imagem é 800-2021-03-31T171257.569.jpg

Da infância com a primeira bicicleta feita de sucata para o topo do ranking mundial do ciclismo, Henrique Avancini e a bike têm uma relação única, especial. Nesta terça-feira (30), o atleta olímpico comemora os 32 anos de vida, sendo quase todos ligados às duas rodas. E, do primeiro evento internacional, em 2006, até agora, tornou-se o mais vitorioso ciclista do País. Quem não se recorda da emoção nos metros finais, na República Tcheca, que garantiram a primeira vitória brasileira na prova de XCO da Copa do Mundo? E as vitórias e pódios, tanto nos short tracks quanto no cross-country olímpico? O atleta já é uma lenda.

Enquanto se prepara de olhos nos próximos desafios na Copa do Mundo de MTB XCO, que já começam em maio, com transmissão ao vivo pela Red Bull TV, Avancini abriu uma brecha na agenda de treinamentos e reviveu três grandes momentos dele na competição. E o público pode relembrar, na íntegra, cada instante do atleta olímpico e os comentários inéditos sob a perspectiva dele. 

Esta imagem tem um texto alternativo em branco, o nome da imagem é 800-2021-03-31T171403.478.jpg

Primeiro pódio, a gente nunca esquece

Val di Sole (2018): https://win.gs/3szYxm5 

A grande consistência de Avancini na prova foi coroada com o primeiro pódio em provas de Copa do Mundo do Brasil.

“Essa prova foi muito importante pra mim. Eu competi muito leve. Lembro como foi o andamento da corrida, muito em detalhes, e era algo que eu desejava muito. Pra mim, foi especial por ser na Itália, país em que eu vivi momentos muito marcantes na minha carreira, principalmente, no começo da jornada como profissional, quando eu morei alguns anos lá. Enfim, conquistar meu primeiro pódio na Itália não poderia ser tão significativo. Tem um peso enorme na minha história. Eu chegar entre os melhores era o meu sonho. E, pela primeira vez, pisava no pódio da Copa do Mundo e tornava esse sonho uma realidade”

comenta o brasileiro.

E o que dizer da primeira vitória em XCC, não é mesmo?

Vallnord (2018): https://win.gs/31qrhSx 

Esta imagem tem um texto alternativo em branco, o nome da imagem é 800-2021-03-31T171348.616.jpg

Foi com emoção. Por apenas um segundo de diferença e diante de Mathieu Van der Poel, Gerhard Kerschbaumer e Nino Schurter, Avancini faturou a vitória no XCC de Andorra, local que, em 2017, havia entrado pela primeira vez no Top 10 em uma etapa.

“Nessa prova, eu tive uma postura diferente e acabei conquistando um feito histórico para mim, ao País e ao time que eu represento. Apesar de ser uma equipe de tanto nome, a Cannondale Factory Racing ainda não havia vencido um evento de Copa do Mundo. E isso foi muito importante. Foi uma validação que não só é possível desempenhar bem, mas vencer”

analisa o brasileiro.

Uma das maiores façanhas do esporte brasileiro de todos os tempos!

Nové Mesto (2020): https://win.gs/3sx5jJp 

Prova consistente e estratégia bem executada. Com emoção, Avancini se tornou o primeiro brasileiro a vencer uma prova de XCO em Copas do Mundo.

Esta imagem tem um texto alternativo em branco, o nome da imagem é 800-2021-03-31T171325.760.jpg

“Era algo que eu acreditava que chegaria. Era questão de tempo e refinar performance em prova. Mas, o impacto ao esporte foi assustador, pela amplitude que teve, pelo significado que teve essa vitória ao mountain bike brasileiro. Eu considero um final de semana incrível, pois eu venci a rodada, com o short track e o cross-country olímpico, o que só dois atletas haviam conquistado. Foi um momento extremamente especial para mim e muito marcante ao MTB brasileiro”

completa o atleta, que doou a sapatilha para o projeto Pedaling For a Reason, em leilão organizado pela Semexe.

Quais serão os próximos momentos históricos?

A partir de maio, o público brasileiro poderá acompanhar ao vivo todas as emoções da Copa do Mundo de MTB XCO nas transmissões exclusivas da Red Bull TV, com narração e comentários em português. Ao todo, são seis etapas previamente confirmadas e a participação dos grandes nomes do esporte. Fique de olho no https://www.redbull.com/br-pt/bike-mountain-bike-calendario-copa-do-mundo-2021 e não perca as novidades.

Leave A Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *